sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Vinícola Garibaldi - a simplicidade que faz a diferença

A Vinícola Garibaldi não fica exatamente no Vale dos Vinhedos, mas sim na zona urbana município que lhe dá o nome: Garibaldi. Para ir até ela é muito fácil, já que fica a poucos quilômetros de distância do Vale dos Vinhedos e também do centro de Bento Gonçalves. Além de aproveitar para visitar a Vinícola Garibaldi, é uma ótima chance para um passeio pelas ruas da charmosa cidade que a abriga. 

Vinícola Garibaldi, por novocaroneiro.com

História da Vinícola

Afetados pela grande depressão ocorrida em 1929, quando a crise econômica afetou o transporte e venda do vinho produzido, cerca de 70 famílias de produtores começaram a reunir-se para superar estas barreiras. Dois anos depois, em 1931, surgiu a Cooperativa Vinícola Garibaldi. Apesar do período turbulento, os vinte anos que se seguiram foram de crescimento e investimentos, além do aumento significativo no número de associados. Nos anos 1950 ocorre um dos grandes orgulhos da empresa: uma das maiores exportações de vinhos brasileiros para a Itália, fato que levava daqui as preciosidades trazidas pelos imigrantes europeus. Na década de 1990 a empresa faz uma aposta que viria a dar muitos resultados: o enoturismo. Com um prédio modificado, passa a receber milhares de turistas por ano, divulgando e comercializando sua marca para os quatro cantos do Brasil e exterior. Nos anos 2000 a empresa continua apostando no setor turístico, com aportes financeiros importantes na reformulação de seu prédio de acolhimento turístico. Neste mesmo período a empresa passa a produzir um dos espumantes mais premiados: O Espumante Moscatel Garibaldi, que está entre os 100 melhores vinhos do mundo.

Passeio na Vinícola Garibaldi
Vinícola Garibaldi, por novocaroneiro.com

A Cooperativa Vinícola Garibaldi, localizada em posição privilegiada no município de Garibaldi, possui um espaço específico para receber seus visitantes. A visita, muito diferente daquela realizada nas grandes do Vale dos Vinhedos (Valduga, Salton, Aurora, Miolo), não foca tanto nos aspectos produtivos e explanações técnicas. A visita, na Garibaldi, é muito mais curta, direta, específica. Após a recepção do grupo na entrada de um dos prédios da empresa, há uma breve visita pela cantina histórica, local onde há uma série de equipamentos utilizados nos primórdios da vinificação da marca. Além disso, o visitante conhece os reservatórios onde os vinhos eram armazenados antigamente. Gigantescos e fetos em madeira, bem diferentes dos modernos tanques em aço inoxidável.
Vinícola Garibaldi, por novocaroneiro.com

A visita a esta parte histórica da vinícola não dura mais de 10 minutos. Logo em seguida, e no final do trajeto, há a sala de degustação dos produtos Garibaldi. Ali, um dos funcionários da empresa apresenta alguns rótulos de sucos, vinhos branco, tinto e espumante, além de servir as taças para uma prova. A empresa possui muita qualidade e o Moscatel é divino! Aqui, geralmente, o enólogo abre a garrafa de espumante com o sabre, no belo espetáculo da sabrage. Às vezes convida um dos visitantes a fazer a abertura da garrafa, e eu já tive este privilégio (fui colega de alguns funcionários na faculdade de Enoturismo, por isso me convidaram). Completando a visita, segue-se para a boutique da empresa, onde pode-se adquirir os produtos da marca, equipamentos para consumo de vinhos (saca-rolhas, marcadores de taça...) e souvenirs da cidade.

Mesmo sendo uma das visitas mais simples, adoro passar pela Vinícola Garibaldi. Me sinto muito em casa lá dentro, já que é um local sem frescuras, sem enrolação. Quando moramos em Garibaldi íamos até lá com frequência, e hoje quando visitamos a cidade também sempre damos uma paradinha! 

Alguns pacotes turísticos que vão até a região de Bento Gonçalves param na Vinícola Garibaldi no trajeto de chegada ou partida ao passeio de Maria Fumaça, já que fica bem no meio do trajeto do trem (que liga Bento Gonçalves a Carlos Barbosa).

Serviço

Localização: Avenida Independência, 845, Garibaldi-RS
Esta avenida é a que entre em Garibaldi e vai até o centro. Muito fácil de encontrar.
Site oficial: www.vinicolagaribaldi.com.br
Para visitas de grupos de mais de 10 pessoas deve haver agendamento prévio.
Atendimento: de segunda-feira a sábado, das 9h às 17h, domingos e feriados das 10h às 16h

Veja mais fotos do Vale dos Vinhedos:
https://www.flickr.com/photos/novocaroneiro/albums/72157647543298883

Este post faz parte da Blogagem Coletiva "Roteiros Etílicos", originalmente publicado em 24.02.2016. Nesta data um grupo de blogueiros amigos apresentou diversas opções de roteiros e dicas de passeios pelo mundo, sendo que todas as dicas envolvem locais com produção, degustação ou venda de bebidas. O Novo Caroneiro apresenta o Super Guia Vale dos Vinhedos, com postagens entre os dias 24.02 e 06.03.

Se animou a ir ao Vale dos Vinhedos e precisa de um hotel? Clique na imagem e veja uma lista completa de opções!

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Ola. Não conheço as vinículas do sul do país, mas está na minha lista com certeza. Quero voltar para o Rio Grande do Sul!!!
    Ótimas dicas!!!
    Thais - Blog Love and Travel

    ResponderExcluir
  2. Thais, no RS, na região de Bento Gonçalves e Garibali há vinícolas de todos os estilos. Além disso num raio de 100km há ainda cervejarias, cachaçarias... Ah, pra recuperar-se a gastronomia também é excelente!

    ResponderExcluir