quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Fortaleza del Cerro (Fortaleza General Artigas) - Montevidéu

Montevidéu está localizada em posição estratégica, às margens do Rio de la Plata. Por este motivo sempre era alvo de ataques e tentativas de invasões. Visando a proteção do porto e da cidade como um todo, foi erguida uma fortaleza no alto do morro mais alto da região, permitido uma vista privilegiada em caso de visitas indesejadas. A Fortaleza General Artigas (assim como a Fortaleza de Santa Teresa) já há muito tempo não possui a função de defesa. Atualmente abriga um Museu Militar, além de propiciar uma linda vista aérea da cidade.

Fortaleza del Cerro - Montevidéu, por novocaroneiro.com

A construção do forte foi concluída em 1811 (mais história aqui) e é, ainda hoje, muito bem conservada. Sua localização, no entanto, está fora do roteiro turístico. Como viajamos de carro, fomos até lá sem muitos problemas (usando o GPS do celular). O trajeto passa por boa parte da capital uruguaia, o que torna o passeio anda mais rico. Fomos no domingo à tarde, e o trânsito era bem tranquilo.
Fortaleza del Cerro - Montevidéu, por novocaroneiro.com

Ao chegar ao topo do cerro, o que impressiona é a vista da cidade. Pode-se ver quase toda a extensão da capital lá de cima. Além disso, há uma bela visão do Rio da Prata e dos navios chegando ao porto.
Fortaleza del Cerro - Montevidéu, por novocaroneiro.com

Para entrar no Forte, é cobrado ingresso, com valor de cerca de 20 pesos uruguaios (cerca de 3 reais, uma pechincha!). Lá dentro, através dos muros da fortaleza, ou dos observatórios temos a noção da visão que os militares uruguaios tinham ao observar a chegada dos inimigos. Para facilitar a identificação aos observadores do presente, uma luneta foi instalada, permitindo a visão dos prédios de Montevidéu bem de pertinho.
Fortaleza del Cerro - Montevidéu, por novocaroneiro.com

Depois de observar a cidade, é hora de história. Já incluido no valor do ingresso pago, está o direito a visita ao Museu Militar. Dividido por várias salas dentro da Fortaleza, estão exposições de armas (fuzis, metralhadoras, canhões...), muitas delas utilizadas durante as Guerras Mundiais. Há outros ambientes que contam a história da fundação, conquistas e invasões de Montevidéu (ingleses, portugueses e espanhóis disputaram a região por décadas). Alguns itens pertencentes ao General Artigas (grande nome da independência do uruguai) tem destaque no museu.
Fortaleza del Cerro - Montevidéu, por novocaroneiro.com

Vale a visita tanto pela belíssima vista de Montevidéu, como para se conhecer um pouco mais da história e formação do país e população local.
Veja mais fotos de Montevidéu:
https://www.flickr.com/photos/novocaroneiro/albums/72157663172050232

Hotel no Uruguai? É só buscar aqui embaixo:

Booking.com

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Acabei não indo porque me falaram que era um lugar perigoso :( perdi!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Camila! Não sentimos qualquer receio! pelo contrário, como o local é controlados por militares, sempre há guardas no local. O caminho passa por um bairro mais humilde, mas foi super tranquilo!

    ResponderExcluir